24 de junho de 2019

Robert De Niro disputa fortuna de R$ 1,9 bilhão com ex-mulher

Os advogados do ator defendem que o acordo pré-nupcial assinado em 2004 seja respeitado.


Por Folhapress Publicado 08/06/2019

Grace Hightower, ex-mulher de Robert De Niro, 75, briga na Justiça americana para ter direito a metade da fortuna do ator que, segundo ela, é estimada em US$ 500 milhões, equivalente a cerca de R$ 1,9 bilhão. A informação foi divulgada pelo Page Six. 

Na quinta-feira (6), os dois se encontraram em uma série de audiências que aconteceram na Suprema Corte de Manhattan, nos Estados Unidos. 
Segundo o site, os advogados do ator defendem que o acordo pré-nupcial assinado em 2004 seja respeitado. De acordo com o documento, Hightower teria direito a um apartamento de US$ 6 milhões (R$ 23 milhões), US$ 500 mil em dinheiro (R$ 1,9 milhão) e US$ 1 milhão (R$ 3,8 milhões) por ano em pensão alimentícia.

Os advogados dela, no entanto, afirmam que há brechas no acordo pré-nupcial que possibilitam o pedido dela pela metade da fortuna do ator. De acordo com o site, a maior parte do montante acumulado por De Niro vem dos filmes e da participação do ator na rede de restaurantes Nobu. 

“De Niro fez US$ 300 milhões [R$ 1,1 bilhão] desde 2004 com 35 empresas e 38 filmes “, disse o advogado de Hightower, Allan Mantel. 

O ator também é dono de um hotel, de uma produtora de cinema e televisão e dos restaurantes da rede Tribeca Grill. 

De Niro e Hightower se casaram pela primeira vez de 1997 a 1999, depois voltaram a se unir de 2004 até 2018. Eles têm dois filhos. Até o momento, nenhum dos dois se manifestou sobre o divórcio.