23 de setembro de 2020

‘Não estou errada em nada’: diz Antonia Fontenelle sobre novo processo movido por Felipe Neto

Mais um capítulo na briga entre a apresentadora e o influenciador digital


Por Folhapress Publicado 02/09/2020
'Não estou errada em nada': diz Antonia Fontenelle sobre novo processo movido por Felipe Neto
Antonia Fontenelle X Felipe Neto – Fotos: Instagram

Não é de hoje que as discussões entre a atriz Antonia Fontenelle, 47, e Felipe Neto, 32, movimentam a internet. Só que, para Antonia, todo o investimento que teve de fazer com advogados até hoje poderia ter sido diferente.

“Não há com o que me preocupar, além de gastar um dinheiro que poderia ser gasto com algo mais proveitoso do que ter de me defender dos ataques do Felipe Neto”, diz ela em entrevista ao F5.


O influenciador e empresário Felipe Neto, 32, decidiu mover um outro processo contra a apresentadora Antonia Fontenelle, 47, agora por injúria. A informação foi divulgada pela colunista Fabia Oliveira, do jornal O Dia, e confirmada à reportagem pela assessoria do artista.


Felipe já havia acionado a Justiça, junto com o irmão, Luccas Neto, 27, para pedir uma indenização por danos morais no valor de R$ 200 mil após Fontenelle ter associado os dois à pedofilia em um vídeo em suas redes sociais. Agora, ele a acusa de injúria, que prevê pena de um a seis meses de prisão ou multa.
Agora nessa nova fase processual, Fontenelle diz estar tranquila. “Não penso nada [próximos passos], eu apenas me defendo dos ataques dele. Errada eu não estou em nada”, comenta.


A apresentadora, em julho, sofreu um novo revés da Justiça no caso que envolve um processo aberto pelos irmãos Luccas e Felipe Neto contra ela. O juiz indeferiu o pedido dela de transformar o caso em segredo para que não repercutisse na imprensa.


Além disso, um colunista chegou a publicar que Fontenelle teria contratado as mesmas advogadas de Flávio Bolsonaro para se defender nos processos aos quais ela se vê envolvida.


Em resposta sobre isso, a atriz diz que apenas contratou um escritório para se defender do que chama de ‘assédio processual que Felipe Neto vem fazendo’. “Na tentativa de me calar. Minhas advogadas tem nome e sobrenome, e não me interessa saber a cartela de clientes delas. Não é problema meu”, comenta.

A atriz e apresentadora completa ao dizer que o conteúdo que tem sido publicado por um colunista a respeito desse assunto é mentiroso e que isso seria um “desserviço como jornalista”.

“Eu como jornalista me dou o direto de assim como ele, usar da prerrogativa de liberdade de imprensa, no que diz respeito à minha opinião em relação a esse senhor e ao jornal que ele é empregado. E para finalizar, nunca em tempo algum eu acusei Felipe Neto de ser usuário de cocaína, conforme descreve na nota mentirosa”, disse.