23 de setembro de 2020

Lacombe estreia em setembro na RedeTV! com ‘espírito de iniciante’

De acordo com a RedeTV!, o jornalista "desenvolverá um projeto jornalístico amplo e multiplataforma 360º, em sintonia com DNA tecnológico" da emissora


Por Folhapress Publicado 26/08/2020

Luís Ernesto Lacombe, 54, assinou contrato com a RedeTV! nesta quarta-feira (26), após uma longa especulação sobre qual seria o futuro do jornalista, que se desligou da Band em junho em meio a boatos de que a direção da emissora estava insatisfeita com pautas vistas como tendenciosas e a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).


De acordo com a RedeTV!, Lacombe “desenvolverá um projeto jornalístico amplo e multiplataforma 360º, em sintonia com DNA tecnológico” da emissora.
Nesta tarde, ele esteve por lá para conhecer as instalações e se reunir com Franz Vacek, superintendente de Jornalismo, Esportes e Digital. Os dois discutiram propostas para os formatos que serão apresentados pelo jornalista a partir de setembro.


Ainda não foi informada a data de estreia nem em quais programas o jornalista aparecerá.

“Com 32 anos de carreira em televisão, conseguir se reinventar tantas vezes é maravilhoso”, afirmou Lacombe. “Chego à RedeTV! com o espírito de um iniciante. Estímulo, vontade e energia de um iniciante, e uma bagagem longa. Acho que é a hora para trabalhar muito, com equilíbrio e planejamento. São vários projetos que vamos desenvolver, aos pouquinhos, falaremos de cada um deles. Estou muito animado.”


POLÊMICAS

Após pouco mais de um ano no ar, o Aqui na Band não conseguiu decolar na audiência -muitas vezes não chegava a marcar 1 ponto na Grande São Paulo (cada ponto equivale 74.987 domicílios). No período, porém, protagonizou muitas polêmicas.


Nos últimos dias, pautas vistas como tendenciosas e a favor do presidente Jair Bolsonaro também irritaram a direção da emissora, que resolveu intervir na atração. Na terça (23), por exemplo, foi ao ar um debate sobre conservadorismo que contou com a presença do blogueiro Allan dos Santos, do canal Terça Livre, que é alvo de inquérito sobre fake news no Supremo Tribunal Federal.
Antes, no dia 11 de maio, uma outra pauta levada ao programa já tinha gerado atritos internos na emissora. Na data, o programa discutiu com advogados e apoiadores do presidente a pergunta: quem mandou matar Jair Bolsonaro? Investigação da PF (Polícia Federal) sobre a facada sofrida por ele em setembro de 2018 chegou à conclusão de que Adélio Bispo fez tudo sozinho.
Além disso, outra polêmica do programa foi a demissão da apresentadora Silvia Poppovic, 65, no fim de abril. “Não esperava de jeito nenhum. Fazia o programa de casa por causa da quarentena. A Band colocou os acima de 60 anos em casa e eu resolvi fazer o programa daqui por Skype e estava indo bem. Tinha vários merchans no ar e achei que continuaríamos até o final dessa fase”, afirmou ela ao F5, na ocasião.
Ela e Lacombe tiveram alguns desentendimentos, ao vivo por divergências políticas. Em setembro de 2019 eles chegaram a discutir duas vezes na mesma semana. E, ao comentarem sobre a repercussão da briga, ambos entraram em atrito de novo.

Leia a íntegra do comunicado da RedeTV!

“A RedeTV! anuncia a contratação do jornalista Luís Ernesto Lacombe. O acordo foi oficializado na tarde desta quarta-feira, na sede da emissora em Osasco, ao lado do acionista e vice-presidente do canal, Marcelo de Carvalho. Lacombe desenvolverá um projeto jornalístico amplo e multiplataforma 360º, em sintonia com DNA tecnológico da RedeTV!. Depois de conhecer as instalações da emissora, ele se reuniu com Franz Vacek, superintendente de Jornalismo, Esportes e Digital, para discutir propostas associadas aos formatos que serão apresentados pelo jornalista a partir de setembro. As datas de estreia serão divulgadas nos próximos dias. Luís Ernesto Lacombe possui mais de 30 anos de carreira no jornalismo, atuando em coberturas nacionais e internacionais. Iniciou a trajetória em 1988 como estagiário da Rede Bandeirantes do Rio de Janeiro. Ao longo da profissão, trabalhou como repórter e apresentador na extinta Rede Manchete e, posteriormente, foi contratado pela Rede Globo, onde permaneceu durante 20 anos. Em 2017, retornou à Rede Bandeirantes como apresentador. ‘Com 32 anos de carreira em televisão, conseguir se reinventar tantas vezes é maravilhoso. Chego à RedeTV! com o espírito de um iniciante. Estímulo, vontade e energia de um iniciante, e uma bagagem longa. Acho que é a hora para trabalhar muito, com equilíbrio e planejamento. São vários projetos que vamos desenvolver, aos pouquinhos, falaremos de cada um deles. Estou muito animado’, afirma o novo contratado da emissora.”