11 de August de 2020

Filho de Nick Cordero, morto por Covid-19, reconhece foto do pai e fala primeiras palavras

Viúva do ator, morto no começo do mês por complicações da Covid-19, compartilhou o momento nas redes sociais


Por Folhapress Publicado 27/07/2020 Atualizado em 29/07/2020 às 20:16
Filho de Nick Cordero, morto por Covid-19, reconhece foto do pai e fala primeiras palavras
Foto: Instagram

Amanda Kloots, esposa do ator e cantor Nick Cordero, 41, morto por Covid-19 no dia 5 de julho, emocionou fãs e seguidores por meio das redes sociais neste domingo (26).

A bailarina com quem Cordero se casou em 2017 compartilhou um vídeo do pequeno Elvis, de um ano, fruto do relacionamento do casal, falando suas primeiras palavras ao ver uma imagem do pai. Segundo Kloots, a última vez que Nick viu o filho foi antes de ser internado em um hospital de Los Angeles, nos Estados Unidos, no dia 30 de março.


“Elvis falou as suas primeiras palavras hoje. Escutem de perto! Ele viu a imagem do Nick em nosso abajur e falou “bem aqui”. Ele não via o Nick desde o dia 30 de março. O fato é que ele ainda sabe quem é seu o pai, apontar para ele e mandar um beijo é maravilhoso”, escreveu Kloots.


Ainda não faz um mês da morte do ator da Broadway. Nick Cordero, vencedor do renomado prêmio Tony Awards, em 2014, por seu papel em “Bullets Over Broadway”, ficou 95 dias internado após receber o diagnóstico positivo para o novo coronavírus.


Durante esse período o artista passou por complicações na luta contra a doença. Ele chegou a ser colocado em um respirador e teve uma das suas pernas amputadas. Sempre ativa nas redes sociais, Amanda Kloots pedia orações e corrente positivas para o marido sobreviver.
Antes de morrer Nick Cordero chegou a ser retirado do respirador, mas seus pulmões estavam muito comprometidos. Kloots chegou a dizer em entrevista ao canal americano CBS que os pulmões de Cordero eram semelhantes “a de uma pessoa que havia fumado por 50 anos”, e possivelmente ele precisaria de um transplante duplo de pulmão.


No próximo dia 17 de setembro, data em que o artista completaria 42 anos, o álbum póstumo “Live Your Life” (“Viva a sua Vida”, em português) estará disponível em todas as plataformas digitais. O trabalho foi gravado pelo cantor em 2019. A notícia foi anunciada pela própria viúva do músico.