Paul McCartney em SP: veja como chegar e o que não levar para shows no Allianz Parque


Por Folhapress Publicado 07/12/2023
 Tempo de leitura estimado: 00:00
Reprodução: Divulgação

O inglês Paul McCartney chega a São Paulo nesta quinta-feira, 7, para apresentar em três datas no Allianz Parque sua turnê “Got Back”, que percorre sucessos estrondosos de sua carreira nos Beatles e também sua trajetória solo.


Embora os ingressos para os shows dos dias 7, 9 e 10 estejam esgotados, ainda é possível comprar pacotes paro camarote Backstage Mirante, que inclui acesso à área VIP e open de comida e bebida.


Veja, a seguir, dicas para se preparar para os dias das apresentações, incluindo como chegar e ir embora, como evitar furtos e o que fazer nos casos de chuva.



Ainda há ingressos?
As entradas para todos os shows do ex-Beatle se esgotaram, mas ainda há uma forma de vê-lo se o público tiver dinheiro para comprar a experiência do Backstage Mirante, que custa a partir de R$ R$ 3.579.


Este modelo, com vagas para os três dias de apresentações, tem entrada pelo estacionamento, acesso à pista premium por um corredor interno e serviço de open bar e open food, além de uma festinha de duas horas após o encerramento dos shows. A experiência pode ser comprada em backstagemirante.com


Como chegar?
Os que vão de transporte público para o estádio podem descer na estação Palmeiras/Barra Funda, onde ficam a linha vermelha de metrô, as linhas rubi e diamante da CPTM e um terminal de ônibus -tudo a cerca de 10 minutos de caminhada da arena.


Além disso, o site do estádio (arenapalmeiras.com) mostra as cerca de 50 linhas de ônibus que param por perto.


A CET informa que a partir das 10h dos dias 7, 9 e 10 serão interditadas as vias r. Palestra Itália (entre pça. Marrey Júnior e av. Pompeia) e r. Caraíbas (entre r. Venâncio Aires e r. Palestra Itália).


O transporte por carros de aplicativo ocorre na av. Sumaré sentido Pinheiros entre a pça. Marrey Jr e a r. Dr. Homem de Melo, e na av. Antártica sentido Limão entre a Turiaçu e a Flauta Encantada.


A partir das 22h, a companhia também cria áreas para táxi nas seguintes vias:

  • Av. Francisco Matarazzo, sentido centro-bairro, entre av. Pompéia e r. Pedro Machado;
  • Av. Antártica, sentido bairro-centro, entre pça. Marrey Júnior e pça. Souza Aranha;
  • Av. Sumaré, sentido Limão-Sumaré, entre pça. Marrey Júnior e r. Homem de Melo;
  • R. Turiassú, sentido Lapa, 200 metros antes da pça. Marrey Júnior;
  • Av. Pompéia, sentido Pinheiros-Barra Funda, entre as r. Palestra Itália e Desembargador do Vale
    Mais informações estão disponíveis no site da companhia (https://www.cetsp.com.br/noticias/2023/12/06/cet-monitora-o-transito-na-pompeia-para-show-na-arena-allianz-parque-(2).aspx).
    Onde estacionar?
    Quem for às apresentações com veículo próprio tem opções de estacionamento. Dá para parar no Allianz (na r. Padre Antônio Tomás, 72), com capacidade para 1.500 carros, e na Casa das Caldeiras (r. José Benedito Boneli s/n°), ambos por preços a partir de R$ 120.
    Há ainda as opções de shopping da região, como o Bourbon (r. Palestra Itália, 500, Perdizes) e o West Plaza (av. Francisco Matarazzo, s/nº).
    Que horas e por onde entrar?
    Os portões para as apresentações são abertos às 16h, e os shows estão previstos para começar às 20h. Para entrar, basta apresentar o ingresso, o comprovante de meia-entrada (se aplicável) e um documento com foto.
    A divisão das entradas fica assim:
  • Portão A: pista e cadeira inferior
  • Portão B: pista premium e cadeira superior
  • Portão C: cadeira inferior
  • Portão D: cadeira inferior
  • Portão C1: camarotes e pacote VIP
    O que levar
    Ficam liberados os copos de água e alimentos industrializados lacrados, sem limitação de itens, além de documentos, óculos, capa de chuva, protetor solar líquido, protetor labial, carregadores de celular, remédios com prescrição médica, maquiagem e câmera instantânea, além de mochilas com limites de 42 cm na altura, 32 cm na largura e 14 cm na profundidade.
    O que não levar
    Não é permitida a entrada com itens como bebidas alcoólicas, vasilhames ou copos de qualquer material, guarda-chuvas, inflamáveis, desodorantes ou outros cosméticos com mais de 90 ml, varas, cigarros eletrônicos e mochilas com mais de 20 cm x 30 cm. Também estão proibidos equipamentos de fotografia ou filmagem profissional, GoPros, computadores, tablets e leitores digitais, entre outros. A lista completa de itens proibidos pode ser vista no Instagram.
    Onde comer?
    Há três restaurantes dentro do estádio, o Braza Gastronomia, o La Coppa e o Nagairô Sushi. Segundo a equipe do Allianz, os estabelecimentos costumam oferecer o serviço de rodízio ou open food antes e depois dos shows, com pausa durante a apresentação. É importante, no entanto, checar o funcionamento e a disponibilidade de pacotes nas redes das casas.
    Além do pacote do Backstage Mirante (ver primeiro item), com comida à vontade, o público pode comprar comida antes, durante e após os shows nos pontos de alimentação e via ambulantes, que têm em seu cardápio itens como hambúrgueres e pipoca.
    Como é a acessibilidade?
    A equipe do estádio informa que o local conta com piso tátil, rampas, corrimões e elevadores, além de funcionários treinados para qualquer eventualidade. Além disso, todos os portões são adaptados para a entrada e têm colaboradores à disposição, que poderão fazer acompanhamento de pessoas com deficiência às áreas destinadas.
    E se chover ou fizer muito calor?
    Como guardas-chuvas são barrados na entrada, a alternativa é levar capas de chuva ou comprá-las na frente do estádio -onde o preço é mais salgado.
    Botas ou galochas também são sugestões para escapar dos alagamentos nas vias ao redor e dentro do estádio, além de zip locks e outras bolsas impermeáveis para proteger documentos, dinheiro, ingressos e celulares.
    No caso do calor forte, o público pode se proteger com chapéus, bonés, óculos escuros e protetor solar.
    Como se proteger de roubos, furtos e arrastões?
    Para se proteger na chegada e durante as apresentações, as dicas são andar em grupo, ir ao local com alguma antecedência para fazer a entrada com calma e, caso não haja assentos marcados, ficar próximo de alguma saída ou de funcionários do evento, não aceitar bebidas de estranhos e evitar levar e expor objetos de valor.
    É recomendado deixar o local antes que o show termine ou depois que a maior parte do público já tiver se retirado, tentar se locomover por lugares iluminados e não aceitar carona de desconhecidos.
    No caso de arrastões ou furtos e roubos pontuais, deve-se entregar o objeto sem reação e procurar imediatamente a equipe de segurança ou um policial para mais orientações. As dicas são do consultor de segurança pública José Vicente da Silva Filho.